sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Visão... ou falta dela!

Uso óculos desde os 6 anos, idade em que me detectaram (num rastreio completamente aleatório) que eu tenho astigmatismo.

A doença mais comum é a miopia (muitas vezes combinada com um pequeno grau de astigmatismo... eu sou o contrário do normal) e, por isso, quando me diziam... "mas, afinal vês mal ao longe ou ao perto." eu nunca soube responder. E a verdade é que os médicos nunca me explicaram nadica.

O certo é que tenho uma graduação jeitosa (que mesmo assim foi diminuindo ao longo dos anos) mas consigo fazer vida sem óculos.
Só a título de exemplo, a minha irmã (míope) quando fez cirurgia tinha uma graduação bem inferior à minha e quase não via nada sem óculos.

No outro dia, ao pegar no plano de treino do ginásio (onde não uso óculos), apercebi-me que se estiver com o papel mais próximo, consigo ler as letrinhas minúsculas que lá estão.
Então agora meti-me a fazer pesquisas para tentar perceber efectivamente qual o efeito da minha doença ocular! E descobri que o astigmatismo provoca desfocagem da imagem (para verem um exemplo cliquem aqui)... e não o típico "ver mal ao perto ou ao longe".
Portanto, quem tinha razão fui sempre eu que nunca consegui responder à pergunta que me faziam.

Claro que depois vejo pior ao longe.... mas isso já é o bocadinho de miopia que cá anda a fazer os seus estragos.

Sem comentários:

Enviar um comentário