sexta-feira, 1 de março de 2013

Escrever?


Mas de onde vem esta necessidade de escrever que me assalta quase diariamente?

Muita gente me diz que estou apaixonada e que é esse o meu motor na escrita.
Lamento desiludir-vos mas não é!
Quando o que escrevo deixa nas entrelinhas uma outra pessoa que não eu, é alguém em abstracto... alguém de quem sinto que preciso mas que ainda não concretizei quem é efectivamente. Alguém que ainda não estou preparada para concretizar. Mas gosto deste sentimento de procura incessante! :)

Mais uma vez refiro que, neste momento, a minha paixão centra-se em mim e na minha própria vida. Porque essa sim é para cima de espetacular! E claro que tenho consciência que não vai ser sempre assim.... mas pelo menos enquanto for quero desfrutar de tudo o que me rodeia ao máximo!

Talvez até essa seja a resposta ao "alguém não concretizado"... talvez esse alguém seja apenas e somente eu mesma. Sem precisar de encontrar externamente aquilo que preciso para me completar e ir mais além.
Até porque acho que já provei a mim mesma e a quem me rodeia que não preciso de ter alguém ao meu lado para "ir mais além". Sozinha consigo chegar lá sem qualquer tipo de impedimento e sem constrangimentos.

Claro que por vezes também me apetece estar acompanhada (por exemplo, hoje apetecia-me ir fazer uma coisa mas acompanhada. como não arranjei quem me acompanhasse, fico mesmo por casa) e aí o importante é mesmo ter BOA companhia... não me fazer rodear pelas pessoas +/-.
Mas essa questão provavelmente será abordada noutro texto. :)

Sem comentários:

Enviar um comentário